domingo, 19 de novembro de 2017

Opinião - Merrick

Ficha Técnica:
Autor: Anne Rice
Título Original: Merrick
Série: The Vampire Chronicles #7
Páginas: 348
Editor: Europa-América
ISBN: 9789721049680
Tradutor: ?

Sinopse:
Neste romance hipnótico, a autora das Crónicas do Vampiro e da saga das Bruxas Mayfair demonstra mais uma vez o seu dom para a criação do mito e da magia.

Desta vez ela vai juntar vampiros e bruxaria para criar um ambiente verdadeiramente arrepiante.

No centro da história encontra-se Merrick, a «Bruxa de Endor», a bela e misteriosa feiticeira, descendente de uma sociedade mestiça de Nova Orleães familiarizada com as cerimónias de voodoo. Entre os seus ancestrais encontram-se também as grandes Bruxas Mayfair — de quem ela nada conhece senão o poder e a magia que herdou.

E a ela junta-se David Talbot — vampiro, herói, aventureiro e contador de histórias, companheiro dos já conhecidos Vampiros Lestat e Louis de Point du Lac. É ele quem vai narrar a lenda de Merrick, uma lenda que nos leva da Nova Orleães do passado e do presente às selvas da Guatemala, das ruínas Maias a civilizações ainda mais antigas e inexploradas.

Esta é, assim, uma história cheia de tensão, onde dois seculares poderes ocultos se juntam numa dança de sedução, morte e renascimento.

Opinião:
Antes de prosseguir com a minha opinião tenho que confessar que os últimos livros que tenho lido da autora têm sido lidos em inglês apesar de ter as versões portuguesas. O que tenho verificado é que tem sido muito mais fácil ler na língua original que na língua traduzida. Enquanto que os primeiros livros li em português e me custou imenso a avançar na história, os últimos têm sido lidos em inglês e têm sido lidos com uma fluidez imensa. Talvez um dia tenha paciência para ler um dos livros metade em português e metade em inglês para perceber se o problema é realmente da tradução.

Quanto a este livro, é-nos introduzida uma nova personagem, Merrick. A Merrick é uma bruxa, uma bruxa muito poderosa que trabalha para a Talamasca e que foi estudante directa do David. É devido ao facto de o Louis pretender entrar em contacto com Claudia que Merrick nos é apresentada. E é através de David que ficamos a saber da sua história. Uma história complexa, cheia de personagens interessantes e com grande poder.

Mas uma vez Rice escreve um livro que intriga o leitor desde o início até ao fim. Não porque existam aventuras incontáveis, ou uma constância de acção, mas sim porque os personagens apresentados são extremamente cativantes nas suas dualidades. Ao mesmo tempo a autora apresenta-nos algo novo, as bruxas Mayfair, sendo que existe uma vertente "branca" e uma vertente "negra" e estas designações têm a ver com a cor da pele.  Aqui o que me deixou aborrecida foi o facto de a autora dar a entender que as Mayfair "brancas" são más, mas não o explicar. Se isso não acontecer nos próximos livros vou ficar bastante chateada porque não me apetece ser obrigada a ir ler a série dedicada às mesmas.

No final acabamos por perceber que existe muito mais acerca da história da Merrick do que aquilo que o David sabe e nos conta. As suas atitudes vão influenciar os próximos movimentos dos vampiros, visto que estes são obrigados a sair de Nova Orleães quando são ameaçados pela Talamasca. Ao mesmo tempo existe uma alteração na condição do Louis que pode alterar a relação que este tem com os outros personagens. Estou para ver se as coisas se vão manter ou se o bando se vai acabar por dispersar, principalmente agora que Lestat decidiu voltar à vida. Sim, porque no livro anterior e na maior parte deste o Lestat estava simplesmente num estado moribundo. Duvido que venhamos a saber exactamente o que se passou na sua cabeça depois de ter voltado da viagem com Memnock, mas quem sabe?

Assim sendo só me resta aguardar a oportunidade de ler o próximo livro para saber o que vai acontecer agora com os nossos personagens.

terça-feira, 14 de novembro de 2017

Opinião - Once Upon a Tower e With this Kiss

Ficha Técnica:
Autor: Eloisa James
Série: Fairy Tales, #5 e #5.5
Páginas: 416 e 202
Editor:Avon
ASIN: B009NFMBH8 e B00BW3AYB4

Sinopse:
Once Upon a Tower:
Once upon a time…
A duke fell in love


Gowan Stoughton of Craigievar, Duke of Kinross, values order and self-control above all else. So when he meets a lady as serene as she is beautiful, he promptly asks for her hand in marriage.

With a lady

Edie—whose passionate temperament is the opposite of serene—had such a high fever at her own debut ball that she didn’t notice anyone, not even the notoriously elusive Duke of Kinross. When her father accepts his offer… she panics.

And when their marriage night isn’t all it could be, she pretends.

In a tower

But Edie’s inability to hide her feelings makes pretending impossible, and when their marriage implodes, she retreats to a tower—locking Gowan out.

Now Gowan faces his greatest challenge. Neither commands nor reason work with his spirited young bride. How can he convince her to give him the keys to the tower…

When she already has the keys to his heart?


With This Kiss:
With This Kiss: Part One
Lady Grace Ryburn, the daughter of the Duke and Duchess of Ashbrook, has fallen wildly in love with Colin Barry, a dashing young lieutenant serving his country in the Royal Navy. When he returns home to exuberant celebrations, will he even notice the quiet wallflower he grew up with … or will he fall for Grace's sparkling, gorgeous sister?

With This Kiss: Part Two
Lady Grace Ryburn has accepted another man's proposal after the love of her life, Lieutenant Colin Barry, asked for her own sister's hand in marriage.

But when Colin returns home from the wars, injured in body and spirit, will she be able to turn her back and marry another? Or will she throw away every rule her mother taught her and try to seduce a man who has shown no interest in her kisses?

With This Kiss: Part Three
Lieutenant Colin Barry returns from the wars knowing that he has no right to steal Grace from the arms of her fiancé. Yet the same warrior's spirit that won so many battles at sea is prompting him to throw propriety to the winds, imitate his pirate father, and simply take what he most desires!

Opinião:
?

sábado, 4 de novembro de 2017

Opinião - O Vampiro Armand

Ficha Técnica:
Autor: Anne Rice
Título Original: The Vampire Armand
Série: The Vampire Chronicles, #6
Páginas: 440
Editor: Europa-América
ISBN: 9789721048508
Tradutor: ?

Sinopse:
Em mais um volume das «Crónicas do Vampiro», Anne Rice invoca mundos deslumbrantes para nos trazer a história de Armand, eternamente jovem, com o rosto de um anjo de Botticelli. Armand surgiu pela primeira vez há trinta anos, em toda a sua glória negra, no já clássico Entrevista com o Vampiro, primeiro volume de «Crónicas do Vampiro», romance que tornou a autora famosa em todo o mundo como magnífica contadora de histórias e criadora de reinos mágicos. Acompanhamos assim, nesta obra, Armand através dos séculos até à Kiev Rus da sua infância — uma cidade em ruínas sob o domínio mongol — e à antiga Constantinopla, onde os assaltantes tártaros o vendem como escravo. Num magnífico palazzo da Veneza do Renascimento, encontramo-lo em escravidão emocional e intelectual com o vampiro Marius, que se disfarça entre os humanos como pintor misterioso e recluso e o qual confere a Armand o dom do sangue vampírico. À medida que o enredo se aproxima do seu ponto culminante, atravessando cenários de luxo, elegância, emboscadas, incêndios e adoração ao demónio, passando pela Paris do século XIX e pela Nova Orleães da actualidade, veremos este herói romântico, eternamente vulnerável, ser forçado a escolher entre a imortalidade na escuridão ou a salvação da sua alma.

Opinião:
Não há muito mais a acrescentar sobre a escrita da autora e os temas que foca para além daquilo que já foi dito nos livros anteriores.

Basicamente a autora continua a focar-se na condição humana, no certo e errado, na beleza das coisas mais simples e naquilo que é considerado o amor na sua forma mais pura. Desta vez ficamos a conhecer o ponto de vista de Armand acerca destes assuntos, e como ele lida com tudo aquilo que lhe vai acontecendo ao longo dos séculos. Ao contrário dos outros personagens, Armand tem uma relação muito estreita com a religião devido à educação que teve enquanto criança. Essa relação é explorada e serve para justificar as suas atitudes no final do livro anterior.

Houve alguns aspectos que me fizeram alguma confusão. Nomeadamente a componente de relação sexual e afins muito mais explícita e libertina do que nos livros anteriores. A relação física entre Marius e Armand antes de o último se tornar num vampiro deixou-me algo desconfortável pela sua carnalidade ausente nos livros anteriores. Outra situação que não me agradou por aí além foi o facto de existir um acontecimento no livro para o qual não recebemos uma explicação. O próprio Armand diz que não sabe como tal coisa foi possível. Assim sendo questiono-me se a própria autora não soube muito bem como descalçar a bota, ou se fui eu que não consegui perceber muito bem o que estava subentendido.

Assim sendo este foi mais um livro do qual gostei bastante. Foi uma leitura relativamente rápida comparada aos primeiros que li da autora. Estou curiosa para ver o que mais virá.

quarta-feira, 1 de novembro de 2017

Novos na Estante (da Rita) #16 - Novidades perdidas desde o Verão


Olá a todos! Cá estamos com mais um post na rubrica Novos na Estante. Desta vez tenho para vos mostrar as novidades que cá chegaram a casa o Verão passado.

Quanto a compras em Inglês temos:
- Roar de Cora Carmach. Não conheço a escritora, mas fui atraída pela capa e pela temática do livro: violentas tempestades mágicas e aqueles que as conseguem controlar. Roar é o primeiro volume de uma trilogia (?);

- Before She Ignites de Jodi Meadows. É o primeiro livro de uma nova trilogia de uma autora que tenho vindo a acompanhar.


Continuando com as aquisições em Inglês:
- Windwitch de Susan Dennard. Segundo volume da série Witchlands;

- A Darker Shade of Magic + A Conjuring of Light de V. E. Schwab. Primeiro e terceiro livros da trilogia Shades of Magic, que consegui encontrar, finalmente, a bom preço.
Por último e em Português, comprei:
- Monstress, Despertar de Marjorie Liu e Sana Takeda. Uma graphic novel espectacular que recomendo a todos os amantes de fantasia;

- Blue Exorcist vol. 12 e 13 de Kazue Kato. Uma obra que nunca desilude;

- Assassination Classroom vol. 9 de Yusei Matsui. Uma série de mangá que continua a dar-me muito prazer ler;

- Uma Coluna de Fogo de Ken Follett. O livro que dá continuidade a Os Pilares da Terra e Um Mundo Sem Fim, com direito a autógrafo da vinda do autor a Lisboa.

Por agora é tudo, até ao próximo Novos na Estante. Boas leituras!


segunda-feira, 30 de outubro de 2017

Novos na Estante (da Rita) #15 - Novidades perdidas desde Junho de 2017...


Olá a todos, sejam bem-vindos a mais um Novos na Estante :) 
Neste 15º post da rubrica irei mostrar os livros que chegaram cá a casa por altura da espectacular Feira do Livro de Lisboa.
Todos os livros da foto ao lado foram adquiridos durante a imperdivel Hora H, a metade do preço:
- 1Q84 Volumes 1, 2 e 3 de Haruki Murakami. Nunca li nada deste famoso autor e esta trilogia tão conhecida pareceu-me uma boa aposta;
- A Viajante de Diana Gabaldon, um livro da série Outlander;
- Em Busca do Livro da Vida de Deborah Harkness;
- Sensibilidade e Bom Senso + Mansfield Park de Jane Austen, dois clássicos que faltavam na minha estante.
Por altura da presença da escritora Paula Hawkins na Feira do Livro, trouxe comigo Escrito na Água, autografado e como prenda da Mãe :)

Fiz ainda uma paragem na banquinha da Devir e trouxe dois mangás novos:
- Platinum End, vol. 1 dos mesmos autores de Death Note, Takeshi Obata e Tsugumi Ohba;
- One-Punch Man, vol. 2 de ONE.

Na Saída de Emergência, aproveitei dois livros do dia:
- Eleanor & Park de Rainbow Rowell;
- Histórias de Aventureiros e Patifes de vários autores.
Ainda na banca da SdE, adquiri por 5€ cada:
- Alex 9 de Bruno Martins Soares, por recomendação aqui da Joana;
- Titus o Herdeiro de Gormenghast de Mervyn Peake;
- Cultos Inomináveis de Robert E. Howard;
- A Corte do Ar + O Reino Mais Além das Ondas de Stephen Hunt.
E para terminar, já fora da FdL, trouxe para casa, por esta altura, estas quatro Graphic Novels:
- Tony Chu, Vol. 6 Bolos Janados de John Layman e Rob Guillory;
- Mulher-Maravilha, Terra Um por Morrison/Paquette;
- Mulher-Maravilha, Um Por Todos por Moeller;
- Mulher-Maravilha, A Hiketeia por Rucka/Jones.







Até ao próximo Novos na Estante, boas leituras!